O ignorante afirma, o sábio duvida, o sensato reflete.
    
Não há nada na mente que não haja estado antes nos sentidos.
     
Dignidade não consiste em receber honra, mas sim em merece-las.
     
Todos os trabalhos pagos absorvem e degradam o espírito.
     
O homem prudente não diz tudo quanto pensa, mas pensa tudo quanto diz.
     
O sábio nunca diz tudo o que pensa, mas pensa sempre tudo o que diz.
     
Só há um princípio motor: a faculdade de desejar.
    
É fazendo que se aprende a fazer aquilo que se deve aprender a fazer.
     
A democracia surgiu quando, devido ao fato de que todos são iguais em certo sentido, acreditou-se que todos fossem absolutamente iguais entre si.
     
O sábio nunca diz tudo o que pensa, mas pensa sempre tudo o que diz.